BLOGS: Blog do Andy

Blog UOL

11/12/2009

Este blog mudou para:
http://mixbrasil.uol.com.br/blogs/andy


Escrito por Andy O´Neill às 11h34 Comentários Envie

At the end again

27/11/2009

 

The Last Song – Rihanna

 

“You'll never know when the songs gonna play
The last song you'll hear is the one you made
This song was beautiful that's why I started singing it
But this song is our song is playing until the end even if is the
last song

 

For Eddie

 


Escrito por Andy O´Neill às 22h40 Comentários Envie

Andy & Lukas - Part 2

 

Toda sexta-feira o site JRL (que é um tipo de Billboard americana para o mercado pornô gay) divulga o seu charts.

Há alguns meses atrás o “Straight Guys F**K Harder” também entrou na lista, conseguiu chegar ao 13o lugar. Eu estava tão louco na correria que nem consegui dividir isso com vocês. Mas dessa vez, como já estou praticamente em clima de férias, achei legal poder compartilhar. Ok, não está no TOP 10, mas tá quase lá! E sempre que vejo meu nome nessa lista, fico emocionado e nem é por uma questão de ego, mas sim porque, como já contei antes, o Lukas Ridgeston também está dirigindo filmes. E é muito legal ver nossos nomes na mesma lista e as vezes perto! Essa semana ele está em 41o lugar com o filme “Watching Porn”, mas o filme já esteve na 9a posição. No final é só uma lista. Mas me emociona, porque um dia, há muito tempo atrás, um muleque cabaço de tudo, batia punheta escondido com o Lukas na imaginação…

 


Escrito por Andy O´Neill às 18h11 Comentários Envie

Fail!

 

http://failblog.org/


Escrito por Andy O´Neill às 12h44 Comentários Envie

Open > Delete > Next!

25/11/2009

 

Eu gostaria muito que alguem me contasse se existe etiqueta para sites de relacionamentos gay, ou melhor, “sites de putaria” num portugues mais claro. Ultimamente eu tenho perdido o tesão, na verdade a paciência com uma galerinha sem noção. Talvez eu que seja cruel ou não tenha sido introduzido a essas regras de etiqueta para uma putaria civilizada. Obviamente acredito que educação é bom, tanto no mundo real como no mundo virtual. Como por exemplo, fazer o possivel para responder todos os e-mails, lembrar de desativar o caps locks num bate-papo no MSN, não enviar spam para os amigos com piadinhas sem graça ou correntes de ajuda...as regras são interminaveis.

 

O que tem me irritado é que uma galera é masoquista demais. Quando sou rejeitado no mundo virtual, e foram incontáveis vezes que isso aconteceu, a minha primeira reação é partir pra próxima obviamente. Para algumas pessoas não funciona assim, elas curtem S&M: “Porque você não respondeu? Você anda ocupado né? O que eu fiz pra você?” ou PIOR, pra me deixar puto mesmo é quando eles jogam na minha cara que são fãs e que eu deveria dar pra eles. Eu me sinto culpado por natureza, não precisa de muito para me fazer sentir culpado. E essa é uma situação que tem sido um bom exemplo disso. Porque uma coisa é receber um e-mail, uma mensagem carinhosa de um fã, isso é um prazer, me sinto privilegiado quando eles dividem comigo e abrem uma porta pra eu poder dividir com eles. Mas são situações diferentes.

 

Eu acredito muito em gosto, cada um tem o seu. Do mesmo jeito que um cara musculoso me broxa muito…um cara magrelo e baixinho como eu tambem broxa muita gente. É a vida. É aquela história, não sabe brincar, não desce pra o play. Ainda mais na cena da putaria, onde o que vale é o prazer instantaneo, é apenas o gozo e nenhuma ligação sentimental. Claro que as vezes nessa bagunça é comum encontrar uns caras que você pensa “Esse é tipo pra casar, pena que encontrei dessa forma!”. Não foram poucas as vezes que senti isso. Mas apesar de literalmente viver no nucleo desse mundo do sexo, eu sou totalmente old school. Eu acredito em destino, acredito em sair pra jantar, não fazer sexo nos primeiros encontros. Essas coisas que ninguem faz mais, nem eu.

 

Mas e ai, existe etiqueta na putaria?

 

 


Escrito por Andy O´Neill às 08h46 Comentários Envie

Shii

20/11/2009


Escrito por Andy O´Neill às 12h54 Comentários Envie

Que eu tô voltando pra casa. Outra vez...

15/11/2009

 

Dia 9 de Dezembro volto para o Brasil pra ficar um mês. Aproveitar o calor, minha familia, meus amigos, meu cachorro (que nem deve lembrar mais da cara do pai) e assistir “Do começo ao fim”, que estou louco pra ver! Então, por essa razão, estamos trabalhando em dobro aqui no estudio da FreshSX, eles tambem vão sair de férias. Ou seja, um mês todo sem filmar, sem produzir. O que me fez virar um escravo nas ultimas semanas. Eu tive umas cinco crises nesse periodo, de querer fugir, virar monge, de desistir de sexo…drama! Mas produzimos 3 filmes em um curto periodo de tempo e não teria como eu não pirar. E para não pirar semana passada paramos tudo, cada um fugiu para um lado. Eu fugi pra Disney com minha prima. Por mais imbeciloide que possa parecer, a Disney é meu refugio preferido quando preciso esquecer de tudo e ser feliz.

 

O primeiro projeto já esta disponivel – Diary of a Pornstar: Kai Cruz. Foi um projeto pessoal que eu citei na primeira reunião que tive com a galera do estudio. Todos os estudios lançam coletaneas com as melhores cenas dos seus modelos mais famosos. Mas é sempre a mesma coisa, todas as cenas juntas e só. Achei que poderiamos fazer melhor. O “Diary..” mostra de perto um dia na vida desse modelo, seguimos ele desde quando ele acorda ate a hora que ele vai dormir. Mostramos ele na academia, sendo que uma das cenas ineditas de sexo é ele com o gostoso do Brett Carter, outra cena é ele se masturbando sozinho no chuveiro, tem entrevista, tem ele no metro de Londres…bom nao foi uma coletanea como as outras. Apesar de ter dado um pouco de trabalho, valeu a pena. Outro projeto foi a continuação de “Dads F**K Lads” e o ultimo, um projeto sobre P.O.V., pouco explorando no porno gay mas super popular no porno hetero. Logo trago mais noticias sobre o assunto.

 

E as ultimas semanas tambem foram bem agitadas no Brasil, o que so me fez passar mal de saudades e vontade de estar ai enquanto tudo isso rolou. Apagão, Geisy e Madonna.

Sobre o apagão nem preciso comentar, apesar de achar incrivel esses fatos que ligam milhares de pessoas, todo mundo sofreu com o apagão e de certa forma isso é super poetico. Poxa até a Madonna teve que lidar com o apagão. Falando nela, a passagem dela pelo Brasil foi surreal. Acompanhei a jornada dela pelo site MadonnaOnline que é meu site favorito quando o assunto é Madonna. Eu fiquei emocionado com as fotos, com o sorriso dela. Ela realmente estava feliz por estar ai. E melhor, estava fazendo algo para os outros. Obvio que nessa jornada houveram os micos, na verdade King Kongs por parte de algumas celebridades brasileiras. Mico mico! Teve uma celebridade brasileira que teve a capacidade de se hospedar no mesmo hotel que a Madonna. Pra que?? Achou que iam virar “best friends forever”?? E concordo com o texto da galera do Te Dou Um Dado?, celebridade de “nivel Brasil” querendo fazer social com celebridade “nivel mundo” é muito humilhante.  

 

Sobre o assunto Geisy. Obvio que a historia toda foi ridicula. O vestido nem era tão curto assim e ficou claro que a razão de tudo isso foi a inveja. Mulher bagulho no Brasil não lida bem com a gostosura alheia. Ai precisa crucificar a coitada que é gostosa. Mas o que me surpreendeu nem foi a expulsão dela. Em nenhum momento as pessoas discutiram o que leva um ser humano com intelecto desenvolvido escolher uma faculdade como essa pra se formar? Imagina voce educa seu filho durante anos, troca as fraldas, ensina a andar, paga escolinha, ingles, karate, balé, espanhol e um dia essa pessoa vira e diz “Mãe eu vou estudar na Uni***!”. Triste né!?

 

Bom, logo logo to ai! Não vejo a hora! ;o)

 

*

 

Eu estou obsecado com o filme Paranormal Activity, que apesar de não ter visto ainda, acho incrivel projetos como esse, amadores, sem pretensão e que arrasam pelo mundo. O filme segue bem o estilo “A Bruxa De Blair”. Um casal acha que a casa onde eles moram está sendo habitada por espiritos e resolve investigar, filmando essa “atividade paranormal”. O enredo não é a coisa mais orgininal do mundo, nem o fato dele ser filmado de forma amadora. Mas parece que funcionou muito bem. O que faz esse filme um fato historico é que ele custou 15 MIL dolares e ja arrecadou 100 MILHÕES de dolares nas bilheterias americanas. A promoção foi massiva, alem de ter o estudio do Steven Spielberg por trás. Ele comprou os direitos do filme há alguns anos. Diz a lenda que ele viu o filme, passou mal, nao conseguiu nem terminar de ver e comprou o filme na mesma hora. Acho que deve estreiar em breve por ai.

 

 

Nem preciso dizer que achei o novo clipe da Lady Gaga absurdamente incrivel né? É o cumulo da cultura pop.

 

 


Escrito por Andy O´Neill às 07h58 Comentários Envie

Every Saga Has a Beginning...

27/09/2009


Escrito por Andy O´Neill às 15h52 Comentários Envie

RED

22/09/2009

 

No mês que vem, Dylan Rosser lança seu segundo livro fotográfico "Red". Trabalhamos juntos ano passado e o resultado pode ser conferido no primeiro livro “X-Posed”. Nessa mesma sessão de fotos, fizemos as fotos que estão no “Red”. No meu website é possivel conferir algumas (são as que estou com o lenço vermelho).

 

Fica a dica pra quem estiver em Londres, o lançamento oficial acontece no dia 1o de outubro as 19h no The Box (32-34 Monmouth Street, Covent Garden). Assim como eu, outros modelos estarão presentes. Segundo Dylan alguns estaram sem camisa! :oP


Escrito por Andy O´Neill às 09h24 Comentários Envie

Hustlaball Awards

17/09/2009

 

Dia 16 de Outubro acontece em Berlin a festa Hustlaball 2009 além da Hustlaball Awards, que premia os melhores do ano na industria de filmes adultos.

 

Esse ano o estúdio FreshSX concorre em 3 categorias com 5 nominações:

 

Best Actor EUROPE

 

> MATT HUGHES “Straight Guys F*ck”

 

> IVO COSTA “Postcard from Venice

 

Best Top International

 

> MATT HUGHES “Straight Guys F*ck”

 

Best Bottom International

 

> ANDY O´NEILL “Dads F*ck Lads”

 

> MARCO DI LUCCA “Straight Guys F*ck”

 

Por favor votem! ;o)

 

VOTE AQUI!

 

Para conferir mais detalhes sobre a festa: Website da Hustlaball

 


Escrito por Andy O´Neill às 12h04 Comentários Envie

WOW!

14/09/2009

 Dois videos me fizeram parar tudo nos últimos dias:

.

 

O primeiro foi o trailer do primeiro filme do Tom Ford como diretor. Pra ser sincero, quando eu ouvi essa história de que ele iria se aventurar pelo mundo da 7a arte, eu fiquei com medo...é meio como se a Luana Piovani resolvesse ser atriz, os pontinhos não ligam! Porém pela prévia o moço sabe muito bem o que está fazendo. Tem gente que nasce com o dom de ser bom em tudo que toca. Tom Ford com certeza é uma dessas pessoas!

 

 

 

O segundo video foi a apresentação da Lady Gaga ontem no VMA's. Eu amo essa doida. Acho que ela pode as vezes apelar pra chamar a atenção. Mas existe coisa melhor do que alguém por mais loca que seja mudar um pouquinho essas mesmice que rolou na última decada. Foi a década mais chata da história da humanidade. Tudo foi cópia da cópia do material reciclado reaproveitado e embalado pra consumo. Ninguem teve culhões pra arriscar. Foi uma década em banho maria. Ok, a Lady Gaga é pop. Mas eu quero muito acreditar que a intenção dela vai além disso. E sim, eu achei a apresentação de ontem MUITO F#DA! Eu tive que rever o video umas 10 vezes pra acreditar que ela fez o que fez.

 


Escrito por Andy O´Neill às 16h48 Comentários Envie

GAY

10/09/2009

 

Depois que descobri que sou gay, a pessoa que eu mais temia contar era a minha mãe e ao mesmo tempo a pessoa que eu mais queria poder dividir. Ela era minha melhor amiga, queria que ela me conhecesse por inteiro. Mas eu tinha medo de que ela ficasse decepcionada, me expulsasse de casa, nunca mais olhasse na minha cara. Eu tenho tendência em criar fantasias super dramáticas. Porem nesse caso acho que a maioria das pessoas passa por esse temor. “Minha mãe vai me odiar!”

 

Quando você está no armário, se relacionar com os outros gays não é tão fácil. Principalmente se você está naquela fase de querer namorar. Se ele é assumido, vai querer que você se assuma também. Vai defender que é melhor viver fora do armário, não viver uma mentira. Claro que isso é verdade. É muito melhor viver uma verdade, seja ela qual for. Porem nem sempre é assim tão fácil. Eu brinco as vezes com minha familia, que sou a ovelha negra. Porque seja qual for a minha realidade, quero compartilhar com eles. Hoje em dia a familia toda sabe de LITERALMENTE tudo! Mas foi por acaso, alguem me viu no You Tube um video comigo promovendo o Andy, ai rolou uma “rádio peão” e a notítica se espalhou. De verdade foi melhor assim. Dá um alivio saber que você não precisa mais ficar vivendo uma personagem.

 

Acho que viver personagens faz parte da vida. Vivemos personagens dentro da familia, no trabalho, entre os amigos, com o namorado. Mas de um jeito saudavel. Ser gay e viver uma personagem não acho nada saudavel. Cansa né?

 

Um dia cansei, estava namorando um chato, que vivia me pentelhando pra eu me assumir. Eu já não aguentava mais. Então começei o processo “mãe o gato subiu no teclado e ele era gay“. Como já disse antes, ela foi a melhor mãe do mundo, super carinhosa, sempre presente. Um dia veio dizer que me amava. Eu disse “Só me ama 70%“. Ela deu risada sem entender. E ficou algumas semanas querendo saber porque eu estava dizendo isso. Mas nunca rolava a oportunidade certa pra eu explicar o porque. Até que um dia voltando pra casa, ela no volante. Ela séria me perguntou porque eu estava apertando nessa tecla toda hora. Eu cai no choro. Não conseguia nem falar direito. Ela perguntou “Você está envolvido com drogas meu amor, é isso? “.

 

Eu achei aquilo tão engraçado que acabei me acalmando. Eu respondi que não, que não era nada disso, que era algo mais grave. Bobo! Mas na epoca eu achava isso o fim do mundo. Então contei! Ela reagiu da melhor forma possível, não chorou, não fez drama. Disse que isso não mudava quem eu era, que fazia parte de quem sou. Mas disse que ficava preocupada porque eu teria uma vida solitária e tirando isso eu poderia ter certeza que ela me amava 100%. Quando chegamos em casa, ela me abraçou bem apertado e disse pra eu contar com ela com o que precisasse. Ainda disse que queria conhecer o meu namorado na epoca. Por uma luz divina acabei terminando com ele antes dela conhecer a criatura.

 

Antes dela falecer ela conviveu dois anos com um ex-namorado. O acolheu como um filho. Sempre me deu provas de que ela estava realmente do meu lado e que ser gay não tinha mudado nada entre nós. Alguns anos mais tarde, descobri, que no começo era sofreu escondida. Não porque achava errado ser gay, ou por causa daquele papo de galera ignorante “Meu filho você vai pegar Aids!“. Eu ABOMINO gente que fala isso. Mas voltando, ela estava triste porque ela sonhava com um mini André, ela queria um neto e sabia que ser gay dificultava bastante essa possibilidade. Com o tempo acabou passando.

 

Por isso digo, viva sua verdade. Mas tenha consciência que existe hora e lugar pra se expor. Nem toda familia vai aceitar numa boa. Tem mãe que vai virar a cara, tem pai que bate, tem alguns que expulsam de casa. Nem todo mundo lida com essa informação numa boa. Por isso existe uma hora e um lugar. Se você ainda vive com seus país e depende deles. Espera, ou pelo menos investigue o que eles pensam sobre o assunto. Mas cuidado, as vezes eles são super tranquilos com o assunto, quando o assunto não é o filho deles. Mesmo que demore, viva sua verdade. Eu acho muito triste quando pra viver uma personagem que os outros esperam, alguns gays casam, tem filhos e vivem uma vida dupla durante anos. Não vale a pena! Um exemplo que adoro quando esse assunto vem a tona é o filme “Brokeback Mountain“. Quem quer terminar como o Enis, frustrado, sozinho e dizendo “eu prometo“ pra uma camisa velha e suja? :P

 


Escrito por Andy O´Neill às 17h24 Comentários Envie

Miles Away

07/09/2009

 

One year walk / beard grow time lapse

by Christoph Rehage

De 9 de Novembro de 2007 à 13 de Novembro de 2008

1 ano a pé  – 4646km

 


Escrito por Andy O´Neill às 05h56 Comentários Envie

Amazing

06/09/2009

 

A artista brasileira Nele Azevedo fez cada uma das frágeis esculturas à mão, mas, em menos de meia hora, elas se transformaram em água, um símbolo da mudança climática e do aquecimento global.O evento artístico faz parte de uma campanha da organização WWF, que divulgou um estudo dizendo que as consequências do derretimento das calotas polares podem ser muito mais graves do que se acreditava. Segundo a pesquisa, o aquecimento do Ártico levaria a inundações que podem colocar em risco um quarto da população mundial.

 

"Eu simplesmente produzo [as esculturas] e as dou de presente. Minhas intenções são mais poéticas do que políticas", diz Azevedo.

 

 "Eu acredito que a arte não pode fazer muito, mas pode tocar os corações das pessoas e talvez mudar alguma coisa dessa maneira."

 

Incrivel, não?

Fonte: Folha Online

 

 

 


Escrito por Andy O´Neill às 14h50 Comentários Envie

Human Nature

03/09/2009


E no sexto dia, Deus criou o homem...

 

De boa, poderia ter parado no quinto e ter ido descansar né?


Escrito por Andy O´Neill às 14h01 Comentários Envie


Busca
Infomix
Receba o boletim de notícias do Mix no seu e-mail.
2006 - MIX BRASIL - © Todos os direitos reservados